This post is also available in: Français Deutsch Русский English

O serviço de gateway e pagamentos Kamoney integrará o Dash, o que vai expandir a possibilidade de viver com Dash para os brasileiros permitindo pagamentos de contas em Dash ou fazendo compras cotidianas via vales-presente ou outros métodos.

O Kamoney oferece múltiplos serviços na sua plataforma, incluindo transferências bancárias para a conta do cliente, pagamento contas e vales-presente pré-pagos para muitos serviços como recargas de celular para ajudar os brasileiros a viverem de criptomoedas. A plataforma permite que os consumidores paguem contas via Boleto, que é uma forma de pagamento universal no Brasil. A Kamoney também oferece um gateway de pagamento B2B, para permitir que os comerciantes aceitem Dash como pagamento e também tenham seus fundos convertidos automaticamente em moeda fiduciária para evitar riscos de volatilidade.

Ernesto Contreras, Gerente de Desenvolvimento de Negócios do Dash Core Group, falou sobre o que a integração significa tanto para o Dash quanto para a América Latina, e deu crédito ao membro da comunidade Dash Rodrigo Ambrissi, por assegurar a integração:

“Graças aos esforços do nosso colega brasileiro Rodrigo Ambrissi, o Dash se tornou uma moeda bem conhecida e de confiança na comunidade crescente das fintechs no brasil; e isto será essencial para aumentar o uso do Dash no país, e complementar nossos outros esforços na América Latina. O Kamoney permite fazer transações locais em Dash, e também permitirá que brasileiros no exterior paguem por bens e serviços para suas famílias no Brasil. Essa é uma grande mostra de trabalho em equipe, e estamos felizes em dar boas-vindas à Kamoney na família Dash.”

Possibilitando que os brasileiros vivam inteiramente de Dash

Para as criptomoedas irem além da adoção dos entusiastas do nicho, elas precisam se tornar úteis como um sistema de pagamento comum. O CEO da Kamoney, Vinícius Simões acredita que o Dash se encaixa bem nesse propósito:

“Acreditamos que o futuro das criptomoedas está na praticidade, e estamos sempre buscando uma experiência de alta qualidade para nossos clientes. Integrar o Dash é um passo óbvio para nós, pois as suas transações instantâneas e taxas negligenciáveis permitem máxima performance e uma experiência de usuário melhorada para a rede da Kamoney”

A eliminação da frustração com as taxas e com o suporte ruim para os clientes é um grande passo para convencer os consumidores da vantagem das criptomoedas em comparação aos métodos tradicionais. A Kamoney só cobra 4% dos consumidores para aceitar criptomoedas, o que é menos do que a taxa média de 7% cobrada por cartões de crédito na região. O Dash contribui para essa meta ao não adicionar nenhuma taxa de rede significativa, pois enviar uma transação de Dash em segundos custa menos do que um centavo. Isto, combinado com o potencial de ganhar novos clientes, pode dar um motivo convincente para os comerciantes na região aceitarem Dash.

Além disso, a Kamoney permite pagar contas facilmente pelo sistema de Boleto bancário, permitindo que os usuários cuidem da maior parte dos seus gastos usando Dash. Além disso, a habilidade de comprar vales-presente com criptomoedas ajuda a expandir as opções dos consumidores para viver de Dash ao abrir acesso a empresas que podem não aceitá-lo diretamente. O Kamoney também está testando o uso de cartões de débito de criptomoedas, que torna o uso das criptomoedas praticamente ilimitado em relação ao que os consumidores já costumam fazer, mas o cartão tem disponibilidade limitada no momento.

Uma grande barreira de adoção é permitir que os consumidores realmente vivam de criptomoedas pois a maior parte dos consumidores não vão se dar ao trabalho de usar um dinheiro que não é amplamente aceito. Portanto, a habilidade de pagar contas e a habilidade dos comerciantes aceitarem facilmente o Dash torna a proposta de valor mais clara para os consumidores comuns.

O Kamoney pareado com o Uphold cria um sistema de remessas de baixo custo

A integração com o Kamoney também permite um caso de uso especial para remessas de baixo custo. O Uphold recentemente retirou a taxa de saque da sua plataforma para a carteira Dash, cobrando uma taxa única de 1.25% para converter de moeda fiduciária para Dash. Agora, os recipientes de remessas não precisam pagar a taxa de saque, permitindo que mesmo pequenas quantias sejam compradas e enviadas, por exemplo como remessas, sem incorrer em grandes taxas. Pareado com a Kamoney, isto se torna uma ferramenta poderosa para permitir que os indivíduos enviem remessas de Dash facilmente, que podem então serem gastas instantaneamente pelo sistema de pagamento de contas ou em vales-presente para fazer compras comuns, tudo isso sem incorrer em taxas significativas, dando um forte caso de uso para o Dash crescer como opção de remessa em regiões nas quais ele não pode ser gasto diretamente.