This post is also available in: Français Deutsch Русский English

De acordo com Ryan Taylor — CEO do Dash Core Group — o uso no mundo real, orgânico, do Dash cresceu consistentemente tanto trimestre a trimestre quanto ano a ano, em particular quando comparado com moedas competidoras.

Em uma thread recente no Twitter, Taylor deu um resumo do progresso do Dash no seu crescimento orgânico no último ano — analisando os dados medianos em vez da média porque a média é dramaticamente afetada por “testes de stress” enquanto a mediana tem uma probabilidade maior de dar uma imagem do uso em um dia típico. Taylor também excluiu transações coinbase e o mixing de moedas do PrivateSend para focar nas transações econômicas reais. Ele também acrescentou que dará mais detalhes sobre suas observações na próxima chamada pública trimestral do Dash Core Group no próximo mês.

Além do crescimento consistente de dois dígitos do uso a cada trimestre, o número mediano de transações do Dash cresceu em 178% de um ano para o outro, mostrando que a atividade dos usuários praticamente triplicou no terceiro trimestre de 2018. Taylor também adicionou que os dados de uso em outras métricas também aumentaram significativamente:

“Outras métricas atingiram novos recordes, como o número de carteiras móveis que agora é mais de 56 mil… em relação às 41 mil no final do segundo trimestre. É isso que é adoção!

Crescimento impressionante quando comparado com o resto do setor das criptomoedas

Taylor então fez uma comparação com o crescimento de outras redes blockchain no mesmo período de tempo, e concluiu que ” elas não estão crescendo de maneira tão consistente ou dramática” quanto o Dash. Ele também notou que todas as redes analisadas tiveram trimestres de encolhimento no ano passado, contrastando fortemente com o Dash. Quanto à Lightning Network do Bitcoin, Taylor não viu sinais de crescimento significativo, enquanto o número de canais únicos teve um encolhimento de dois dígitos nos últimos dois trimestres, indicando uma tendência de queda.

Finalmente, Taylor encerrou a thread chamando atenção para o fato de que o progresso das criptomoedas não precisa necessariamente se refletir nos preços, pois muitos indivíduos e traders podem não saber sobre todas as funcionalidades do Dash e sobre como ele se separa tecnologicamente dos competidores. Ainda assim, ele permanece confiante nos fortes fundamentos do Dash, que dão bons sinais para o ganho de adoção dele no longo prazo.

O Dash está se posicionando para crescer no longo prazo com fundamentos tecnológicos e foco na adoção

O Dash conseguiu crescer seu número mediano de transações em parte graças ao seu foco em transações baratas, confirmações rápidas e adoção dos comerciantes, que ajudam a aproximar o Dash dos atributos de uso do dinheiro. O InstantSend do Dash — que agora é automático para todas as transações e vem sendo rapidamente adotado por mais casas de câmbio — permite que as transações de Dash sejam finalizadas em menos de 2 segundos por menos que uma taxa mediana de transação de 0.0005 USD. Além disso, o ChainLocks do Dash aproveita a rede de masternodes para se proteger contra ataques de 51%, garantindo que a blockchain seja não só mais rápida como também mais segura do que outras criptomoedas.

Essas são duas funcionalidades que, combinadas, ajudam o Dash a ser mais adotado pelos comerciantes, junto com integradores de serviços para comerciantes. Isto é importante tanto para os consumidores quanto para os comerciantes que têm um custo maior de mudança e só querem adotar uma nova forma de pagamento que é simples e fácil. Finalmente, o foco do Dash em melhorar sua UI/UX com a Plataforma Dash e a Evolution vão reforçar ainda mais essa meta.

Estes elementos combinados criam um ciclo virtuoso de adoção do Dash, que se fortalece conforme mais comerciantes e consumidores o adotam, ainda que o preço dele possa ter sido reduzido pelo cenário geral do mercado de criptomoedas que tem outros fundamentos e fatores técnicos que os agentes do mercado ainda não distinguem. A velocidade de adoção do Dash, apesar do preço, é vista na Venezuela, onde os indivíduos ligam menos para o preço do que para o seu funcionamento real como uma moeda alternativa para as moedas fiduciárias. E é satisfazendo este caso de uso que o Dash pretende crescer no longo prazo.