This post is also available in: Français Deutsch Русский English

A adoção da Dash pelos comerciantes na Venezuela recentemente ultrapassou a marca dos 2 000, de acordo com Alejandro do Dash Merchant.

Enquanto isso a taxa de inflação da Venezuela foi revisada para mais de 1.37 milhões percentuais até o final de 2018 e potencialmente 10 milhões percentuais em 2019. A estimativa do Perspectivas da Economia Mundial do FMI era 1 000 000% em Julho e 13 000% em Janeiro. Alejandro citou essa gigantesca hiperinflação como uma das razões para a ampla adoção da Dash.

“Em maior parte a hiperinflação e a perda de confiança no nossos sistema financeiro que inclui: o Bolívar, as redes de POS, e a falta de dinheiro físico. A Dash representa a solução perfeita como método de pagamento melhor/mais confiável e como uma reserva de valor para os Venezuelanos”

Alejandro e seu time têm grandes planos: querem dobrar o tamanho do time e “ter 3 000 comerciantes antes do final de 2018”, o que “neste ritmo seria completamente possível”. Eles também estão planejando sua próxima “‘estratégia para adoção’, que é ‘incentivar o consumo’; pois, agora que temos os comerciantes, é hora de aumentar as transações dos usuários”. Alejandro acrescentou que eles já estão “planejando algumas grandes atividades e trabalhos promocionais” que irão “compartilhar com a comunidade muito em breve”.

O caminho para a adoção da Dash

Alcançar esta ampla adoção da Dash requer o esforço de múltiplos indivíduos trabalhando juntos. Atualmente, o time opera com os seguintes cargos: Gerente de Projeto (PM), Gerente de Vendas (SM), Agente de Vendas (o maior departamento), Executivos de Negócios e time de Controle de Qualidade (QC). Cada cargo lida com uma parte diferente do processo de adoção da Dash pelos comerciantes, começando com o convencimento de uma empresa, até a recepção e então o acompanhamento. Alejandro adicionou que ele também toma medidas pessoais tais como sempre tentar atrair a atenção dos observadores quando paga com Dash, de maneira que ele possa ter uma oportunidade de explicar sobre a Dash para eles. Além disso, sempre que ele visita um comerciante que não aceita Dash, ele solta um rápido pitch de elevador para explicar como os outros comerciantes estão aceitando a Dash e como a Dash também pode beneficiá-los.

Os Venezuelanos têm procurado por alternativas ao Bolívar hiperinflacionário para gastar e poupar seu dinheiro. A Dash é uma alternativa realista de moeda pois tem transações muito baratas, rápidas e é amplamente aceita em vários lugares, o que inclui mercados, pizzarias, sorveterias, restaurantes de café da manhã, e muito mais. A Venezuela agora tem mais da metade da adoção global da Dash por 3 600+ comerciantes, de acordo com o DiscoverDash.com.

A estrutura da Dash permite este crescimento rápido

A Dash é capaz de oferecer essas transações excepcionalmente baratas e esses vários lugares para gastar por conta de sua Organização Descentralizada Autônoma (DAO). Isto permite que a rede financie o desenvolvimento de infraestrutura e as iniciativas de divulgação na comunidade — necessários para a utilidade da Dash no cotidiano — por si própria.

Isto também permitiu que outros grupos lançassem suas próprias campanhas de adoção pelos comerciantes tais como Dash Venezuela, Dash Maracay, Dash Colômbia, Dash Brasil, Dash Hub África, Dash Nigéria, e mais. Já que cada um deles é capaz de operar independentemente, eles podem aproveitar melhor o conhecimento local para aumentar a adoção da Dash em suas respectivas comunidades. A rede da Dash conseguiu crescer incentivando a adoção tanto no lado dos consumidores quanto dos comerciantes demonstrando o quanto a Dash pode ajudar suas vidas, por exemplo como uma maneira melhor de gastar e poupar que a moeda local da Venezuela.