This post is also available in: frFrançais deDeutsch ruРусский enEnglish

O Node40 — a agência de consultoria fiscal para criptomoedas — e a Alt36 — o sistema de ponto de venda voltado para empresas de cannabis — recentemente anunciaram uma parceria para ajudar as empresas que aceitam Dash a permanecerem em conformidade com as regulações.

A parceria vai ajudar a lidar com o fato que a conformidade com a regulação ainda é incerta nos Estados Unidos pois os governos de 33 estados legalizaram alguma forma de cannabis, mas ainda é algo ilegal a nível do governo federal. Surge ainda mais confusão com cada ramo do governo exigindo que as empresas de cannabis cumpram obrigações fiscais, até mesmo o Internal Revenue Service do nível federal, mas a falta de claridade nas regras tanto para as criptomoedas quanto para a cannabis cria dores de cabeça para os empresários.

O comunicado descreveu a plataforma Balance do Node40 como um Software-como-um-serviço (Saas) que “ajudará os clientes a receberem e processarem dados transacionais relacionados a pagamentos em Dash, contabilidade de impostos sobre vendas e valores de receita, verificar transações na blockchain e relatar perdas e ganhos das criptomoedas, e dar informações resumidas sobre os dados processados”. Perry Woodin, Chefe Executivo do Node40 descreveu como isto ajudará tanto a Alt36 quanto seus clientes.

“Com as várias transações de criptomoedas que a Alt Thirty Six facilita, nossa solução será simplificar o processo deles manterem relatórios precisos e boa conformidade legal. Com esta parceria, a plataforma Balance do Node40 está expandindo seu alcance para servir clientes empresariais, além de proprietários individuais de criptomoedas.”

O CEO e Co-Fundador Ken Ramirez descreveu ainda mais como a parceria ajudará eles a fortalecerem as criptomoedas no setor da cannabis.

“O NODE40 valoriza tecnologia de primeira, e é claro que seu time de liderança entende nossa missão de tornar a indústria crescente da cannabis completamente livre de dinheiro.

Nós acreditamos que pagamentos digitais são o futuro do comércio global, e estamos confiantes que a combinação de tecnologia blockchain e da moeda digital Dash vai revolucionar a indústria de pagamentos.”

As dificuldades e importância de se manter em conformidade

A plataforma Balance permite que os usuários concedam acesso ao seu histórico de transação “em várias carteiras de hardware ou software, assim como casas de câbio como Coinbase, GDAX, Gemini e Bittrex”. A Balance então “oferece tanto um resumo geral e detalhado, incluindo data, tempo, tipo de transação, ganhos de curto ou longo prazo, e diferencial de preço”, o que é documentado em uma tabela e pode ser dado para um CPA. Isto ajuda a satisfazer as intricadas regras do código tributário dos EUA, que podem trazer sérias auditorias e penalidades se não forem seguidas. A indústria da cannabis está sob pressão ainda maior pois a indústria existe em um estado semi-legal e só possui certas proteções enquanto estiverem em conformidade com todas as outras leis e regulamentações.

No entanto, a indústria da cannabis não é o único setor que pode se beneficiar de assistência com as obrigações tributárias crypto. Indústrias que tradicionalmente trabalham exclusiva ou pesadamente com dinheiro tais como food trucks, pequenas cafeterias, mão de obra básica, e indivíduos sem-banco em geral frequentemente tiveram seus registros questionados. Dentro dos EUA esses negócios ainda precisam pagar impostos e registros ruins podem causar enormes dores de cabeça. A habilidade de manutenção de registro das criptomoedas e o serviço Balance do Node40 ajudaria essas indústrias a se manterem facilmente com os impostos em dia e evitando vários riscos e consequências regulatórias.

A Dash aproveita sua estrutura única para ajudar usuários

A Dash é uma moeda digital, descentralizada, peer-to-peer, mas como todos os dados são armazenados na blockchain, é fácil ver transações, o que com sorte vai evitar regulamentações indevidas por oficiais governamentais que têm medo de privacidade. No entanto, a Dash ainda oferece o PrivateSend, que mistura transações, mas também armazena todas as informações na blockchain para dar uma segurança extra e privacidade para aqueles que querem o serviço. Portanto, a Dash é capaz de oferecer alguma flexibilidade regulatória, já que é capaz de ter serviços como o Node40 construídos sobre sua plataforma para ajudar empresas reais com o cumprimento das regulações para ajudar as consequências extremamente reais de falta de conformidade. No entanto, a Dash não quer ser uma criptomoeda “amigável a governos” como líderes de outras moedas sugeriram. A Dash quer ser uma moeda digital que pode ser usada para compras cotidianas e tomar uma fatia significativa do mercado das moedas fiduciárias e dar aos indivíduos mais liberdade financeira e monetária.