This post is also available in: frFrançais deDeutsch ruРусский enEnglish

No mês passado, o time Dash Venezuela pediu e recebeu um financiamento da rede para sediar a sexta conferência em Caracas, Venezuela. A conferência acontecerá em 31 de Março e a instalação comporta até 600 participantes. Além disso, o time Dash Venezuela foi convidado para falar em outro evento chamado “Socorro! Tem criptomoedas na minha sopa!” De acordo com a gerente de projeto da Dash Venezuela — Eugenia Alcala — o evento terá

“Uma audiência de 250 pessoas, que são pessoas envolvidas em companhias importantes na Venezuela.”

Performance no passado
Empresas de corretagem te dirão prontamente que uma boa performance no passado não garante resultados futuros, Ainda assim, todo fundo de investimento no mundo dá aos compradores interessados estatísticas sobre a performance histórica do fundo. Por quê? Porque o passado não dá garantias sobre o futuro, mas pode nos dar uma ideia muito boa do que pode acontecer.

No caso da Dash Venezuela, os últimos cinco eventos deles lhes deram bastante credibilidade na comunidade e fizeram grandes conquistas na Venezuela. O time focou a maioria dos seus esforços em Caracas, a capital da Venezuela, a qual buscam transformar em uma “cidade Dash”.

Quinta conferência
Samuel Barbosa, desenvolvedor Android para o Dash Core, falou na quinta conferência, dando uma apresentação intitulada “Como Aceitar pagamentos em DASH — Dinheiro Digital”. Barbosa prosseguiu com uma avaliação do evento, postada no reddit. Ele escreve:

“Na Venezuela o cenário é bem diferente, ainda assim, o que vi nessa conferência realmente me surpreender e excedeu todas as minhas expectativas. Já quando cheguei, depois de ser recebido por alguns dor organizadores da conferência, eles me levaram para um restaurante e não só a conta do restaurante como também o motorista foram pagos em Dash!

“Depois das palestras na conferência, nós tivemos um Cidade Dash inteira (Ciudad Dash) no andar de cima. A Cidade Dash é uma feira que acontece a cada conferência (dessa vez com 53 comerciantes) em que você pode comprar comida, arte, roupas e até mesmo motocicletas dos empreendedores locais e a única maneira de pagamento é a Dash!”

Dash, disruptora

Barbosa acredita que a Venezuela está pronta para a aceitação do dinheiro digital devido à hiperinflação devastadora do país. Ele escreve:

“Tudo isso é possível e viável de acontecer na Venezuela por conta do seguinte na minha opinião: pela situação da economia realmente incentivar o uso de uma moeda que não vai perder mais de 2 000% (sim, não é um erro de digitação, são mesmo dois mil por cento) do seu valor no correr do ano; pela a habilidade dos Venezuelanos de se adaptarem, se reinventarem e também pela esperança, força e felicidade desse povo apesar das suas muitas dificuldades diárias. Eu realmente gostaria de parabenizar o time incrível da Dash Venezuela por impulsionar a educação da blockchain e a adesão à Dash por esse país que realmente precisa dela AGORA.”

Planejando para o futuro

A Dash Venezuela já está planejando para o futuro, tendo apresentado um pedido de financiamento para a rede para a sétima conferência da Dash ocorrer em 28 de Abril. O time foi contatado pelo gerente de um shopping local, o C.C. Galerías Los Naranjos, que planeja se tornar o primeiro “Shopping Dash” do mundo. Os proprietários e gerentes das 250 lojas do shopping estarão presentes no evento, aprendendo como aceitar Dash dos clientes deles.