This post is also available in: Français Deutsch Русский English

O popular serviço que permite aos indivíduos enviar dinheiro via mensagens de texto lançou agora sua integração com o Telegram na Venezuela e na Colômbia para tornar seu serviço ainda mais acessível para público geral.

O lançamento veio depois do lançamento de um teste beta dois meses atrás para cuidar dos bugs. Lorenzo, CTO e cofundador, explica por que eles buscaram a integração com o Telegram além das mensagens de texto SMS comuns.

“O Telegram é o segundo aplicativo de chat mais popular na Venezuela, e é especialmente popular entre as pessoas que gostam de criptomoedas. Também há muitas outras pessoas que têm smartphones baratos ou antigos, que não conseguem executar carteiras de maneira confiável devido a problemas de memória. O Dash Text no Telegram permite que eles usem Dash sem precisar de instalar outro app, já que eles já estão usando o Telegram. No geral acreditamos que é um ótimo canal para ampliar a acessibilidade da Dash.”

Lorenzo continuou a explicar que a simplicidade, compacidade e facilidade de uso do Dash Text ajuda a fazer com que ele se destaque dentre as outras carteiras competidoras, e também justifica a sua existência.

“O Dash Text é tão simples de usar que começou a ser muito popular, mas não acredito que é uma questão de popularidade para ser honesto, é mais uma questão de acessibilidade, algumas pessoas simplesmente não podem usar os apps, elas não têm o hardware para fazer isso. No entanto o que é verdade é que, se você quer mostrar a Dash para alguém pela primeira vez, o Dash Text é a maneira mais fácil de fazê-lo. Então, mesmo se eles tiverem um smartphone decente, você pode mostrar a Dash rapidamente para eles sem que eles precisem baixar nada, você deixa eles animados e eles podem fazer download da carteira da Dash depois se eles desejarem, então é ótimo para trazer mais pessoas.

Superando obstáculos para entregar liberdade monetária para os consumidores

Quando um usuário quer usar o Dash Text no Telegram pela primeira vez, ele vai automaticamente se ligar à sua carteira SMS Dash Text se eles tiverem uma; e, caso não, uma nova carteira será criada para eles. O Dash Text está crescendo rapidamente, já que somente recentemente eles se expandiram para a Colômbia e estão mirando no México, Espanha, Perú, Equador, Panamá, Argentina, Chile e nos EUA para sua lista de áreas de expansão já que eles são mercados centrais de remessas.
No entanto, o time do Dash Text também planejou lançar uma integração com o WhatsApp, já que esse serviço também é muito popular na região, mas o WhatsApp baniu transações com criptomoedas em sua plataforma. Antecipa-se que essa seja uma jogada anticompetitiva pois há fortes rumores de que o Facebook, proprietário do WhatsApp, está planejando lançar a sua própria criptomoeda. Isto desapontou Lorenzo, mas também não o surpreendeu.

“Honestamente isso não me surpreendeu muito, assim que descobri que o Facebook estava desenvolvendo sua própria criptomoeda imaginei que em algum momento eles tentariam suprimir a competição nos seus próprios apps, eu só não achei que isto iria acontecer por alguns anos, então pensamos que valeria a pena abrir esse canal de acessibilidade. O Telegram é uma plataforma muito mais amigável para criptomoedas e também é uma organização sem fins lucrativos, então eu não eles fazendo nada similar a isso.”


O Dash Text não é a única parte afetada, pois o CoinText, que também permite pagamentos em criptomoedas via texto SMS, precisou cancelar seus planos de lançamento também. Enquanto a negação de integrações com criptomoedas pelo Facebook em sua plataforma limita o escopo do que a comunidade é capaz de fazer para ajudar aqueles que estão precisando, ele também demonstra a necessidade de provedores mais descentralizados e independentes de serviço. Portanto, a Dash está achando tantos pontos de contato quanto possíveis para alcançar o máximo de indivíduos.

A Dash está financiando maneiras novas e inovadoras de alcançar consumidores

As criptomoedas foram criadas para ajudar aqueles desamparados pelo atual sistema monetário e financeiro, mas muitos desses indivíduos (60% dos Venezuelanos e 59% dos Colombianos) não têm nem mesmo um smartphone, que é onde estão localizadas a maior parte das carteiras. Como solução, o Dash Text permite que esses indivíduos enviem e recebam dinheiro independentemente dos seus não-smartphones com o conhecimento de que os seus pagamentos são assegurados pela robusta rede da Dash e podem ser gastados em mais de 2 000 comerciantes na Venezuela e mais de 300 comerciantes na Colômbia. Além disso, estes pagamentos de criptomoedas via mensagens SMS reduzem muito o custo de enviar remessas para mais indivíduos. Até agora na Colômbia,os times da Dash estão usando um método completamente diferente para conseguir adoção e suprir os consumidores com maneiras diferentes de gastar e aceitar Dash. A habilidade da rede da Dash de financiar esses diferentes projetos de maneira descentralizada ajuda a garantir que os consumidores estão obtendo o melhor produto.