This post is also available in: Français Deutsch Русский English

O Dash Retail lançou um contador de transações comerciais para o seu app de ponto de venda, assim como uma API melhorada para calcular o câmbio em moedas fiduciárias.

O Dash Retail é uma proposta na tesouraria da Dash, e busca oferecer uma solução única e funcional para os comerciantes pelo mundo que desejem aceitar Dash para pagamentos. Até agora o projeto lançou um aplicativo de ponto de venda em alfa fortemente baseado no aplicativo Spark, um contador de transações comerciais e página de estatísticas, e uma API de taxas de conversão para oferecer uma taxa uniforme de conversão para várias moedas fiduciárias. De acordo com o líder do projeto Ash Francis, o Dash Retail foi criado para servir as necessidades dos comerciantes que querem aceitar Dash sem grandes dificuldades:

“Para chegar a escala de centenas de milhares de comerciantes, a Dash precisa de um software de nível empresarial para os comerciantes. A plataforma Dash Retail oferece isso com sua experiência de usuário melhorada, confiabilidade a prova de balas na qual os times locais possam depender, e funcionalidades melhoradas que a DAO, nossos times de adoção, e seus comerciantes precisavam. Essas funcionalidades melhoradas incluem hedge instantâneo para remover o risco de volatilidade para os comerciantes que aceitam Dash, uma solução de câmbio para permitir que as pessoas comprem, vendam e gastem Dash em milhares de lugares, e uma plataforma de remessas que permitirá que as pessoas enviem dinheiro pelo mundo instantaneamente. Tudo isso sustentado por infraestrutura de primeira, relatórios completos, e um time de desenvolvimento responsivo que está constantemente melhorando o produto baseado no feedback dos times e dos comerciantes que o estão usando.”

O Dash Retail se junta ao Spark e ao Anypay como populares aplicativos de ponto de venda, e se junta ao Anypay na oferta de um recurso de estatísticas de transações, enquanto também buscava oferecer uma solução mais completa, além do escopo dos outros dois sistemas.

Uma colaboração da comunidade entre projetos financiados pela Dash e desenvolvedores voluntários

O Dash Retail se beneficiou de uma colaboração entre vários projetos diferentes do ecossistema da Dash. O app inicial de ponto de venda foi fortemente baseado no aplicativo open-source de ponto de venda Spark, e o Dash Rates foi construído sobre o trabalho do desenvolvedor do Spark Kodaxx, que vê o projeto como uma expansão animadora e muito necessária para além do seu trabalho:

“O spark por si só é bastante sólido, mas acredito que o que eles fizeram com o Dash Rates é espetacular. Ele foi levado a todo um outro nível — e já que é daí que praticamente todos os problemas com o Spark surgiam, era muito necessário! Tenho total confiança nas habilidades de desenvolvimento do Ash e do Alex, e mal posso esperar para ver aonde isso vai.”

No momento o Dash Rates está implementado na solução do Dash Retail, com planos de integração nas carteiras oficiais da Dash para iOS e para Android, assim como em outros projetos do ecossistema da Dash. Isto permitirá que toda experiência com a Dash use a mesma fonte para determinar o câmbio em moeda fiduciária em tempo real para a Dash, resolvendo um grande ponto de confusão dos usuários.

A Dash está constantemente aprendendo lições difíceis das iniciativas de adoção dos comerciantes

A Dash continua a construir sobre o progresso dos vários projetos voltados para adoção em massa, encontrando, e tentando resolver, barreiras para a adoção global da moeda como forma comum de pagamentos cotidianos. De acordo com Francis, um dos maiores pontos de fricção para os comerciantes que estavam tentando aceitar criptomoedas era a volatilidade, algo que o Dash Retail busca resolver:

“A maior dificuldade que o Dash Retail vai resolver é a volatilidade. Antes do Dash Retail a maior parte dos comerciantes precisaria especular quando estivessem aceitando Dash, e eles têm fornecedores e empregados para pagar, isto se torna um problema sério e uma causa para preocupação. Oferecendo um serviço opcional que instantaneamente converte as Dashs recebidas num limite determinado para uma stablecoin (para pagamento subsequente em moeda fiduciária pelo time local de adoção) esta solução mitiga o risco de volatilidade para os comerciantes, removendo este ponto de fricção e abrindo as portas para mais comerciantes.”

Francis vê valor em ter fontes confiáveis de dados sobre os comerciantes para informar o desenvolvimento e os esforços de adoção, por exemplo a alta variabilidade do volume diário de transação:

“É importante notar que apesar de termos esses dados no nosso contador, o contador ainda está num estágio alfa e precisaremos de tempo para refiná-lo antes de termos completa confiança nos dados. O ponto mais surpreendente é a variância da atividade: um dia podemos ter 20+ transações, e em outro podemos ter uma única transação. Um dos dados mais notáveis que vem a mente são os 99.99% de uptime do nosso sistema — nossos times de adoção e os seus comerciantes dependem do software de ponto de venda que eles usam, e ter um uptime praticamente perfeito é um testamento da qualidade da construção da plataforma e infraestrutura do Dash Retail.”

A acréscimo de estatísticas das atividades dos comerciantes do Dash Retail se soma aos gráficos do Anypay para trazer uma visão mais completa da adoção dos comerciantes no ecossistema da Dash. Além dos gráficos de transação, o Anypay também mantêm um mapa de comerciantes que classifica os comerciantes por cor baseado na última vez que eles receberam uma transação em criptomoeda. Isto permite uma figura mais clara da adoção dos comerciantes, e também ajuda os times locais a identificar alvos para manutenção de relacionamento.