This post is also available in: Français Deutsch Русский English

A Dash ativou dois sporks finalizando a atualização 0.13, instituindo os masternodes determinísticos e ativando as transações InstantSend por padrão.

Semana passada, a Dash ativou dois sporks — ou forks multifase — que são os últimos dois elementos instituindo as funcionalidades finais da atualização 0.13 para garantir uma transição suave. O primeiro, spork 15, instituiu os masternodes determinísticos, o novo arranjo com chaves separadas, que permite que os papeis de cada masternode sejam executados por chaves diferentes: uma chave do colateral ou garantia, uma chave de votação, e uma chave de operação. Um importante benefício disso é reformular o processo de acessar a rede de masternodes, como Liz Robuck — gerente de produto da Dash — explicou em um post recente:

“Agora, a rede usa uma única fonte de verdade (a lista determinística de masternodes) para determinar o recipiente da porção dos masternodes da recompensa do bloco em uma transação, em vez de depender de mensagens peer-to-peer para calcular isso. Além disso, quando os quóruns de masternodes são usados para validar transações, o quórum é determinado por informações encontradas na própria blockchain. Isto garante que os nodes concordem quanto a quais masternodes devem ser incluídos em um quórum, porque no lugar de manter sua própria lista de masternodes, um node pode puxar os dados de uma única fonte de verdade on-chain.”

Depois da ativação do spork 15, todos os masternodes que ainda não se atualizaram foram excluídos da rede, deixando somente os masternodes determinísticos atualizados em operação. No momento da ativação do spork, praticamente 4 700 masternodes estavam ativos na rede, e imediatamente após a ativação do spork esse número caiu brevemente abaixo dos 4 100 por muitas centenas de nós que não tinham se atualizado a tempo foram excluídos da rede. Desde então, a contagem de masternodes se recuperaram conforme mais nós se atualizaram e voltaram a ficar online, deixando o número em 4 524. Isto é menos que o recorde de 4 967 no final de 2018.

InstantSend por padrão melhora muito a experiência padrão da Dash nas plataformas suportadas

Mais notável para o usuário na ativação final da atualização 0.13 foi o spork 16, ou InstantSend automático. Esta ativação vai liquidar imediatamente a grande maioria de transações da Dash por padrão a partir de agora, de acordo com Robuck:

“O time também está animado para oferecer aos usuários da rede pagamentos instantâneos automáticos para transações com 4 ou menos inputs. Estas transações representam mais de 90% das transações na rede da Dash, então praticamente todos os usuários vão se beneficiar dessa funcionalidade — sem custo adicional. O sistema vai tentar “trancar” qualquer transação com 4 inputs ou menos por padrão, e removerá a taxa adicional que era necessária antes para transações instantâneas.”

Antes dessa atualização, as transações normais da Dash eram transmitidas e visíveis instantaneamente, apesar de não completamente confirmadas na blockchain até cerca de 2.5 minutos, enquanto algumas poucas carteiras e serviços suportando InstantSend tinham a opção de trancar as transações instantaneamente por uma pequena taxa. Agora, praticamente todas as transações serão trancadas e liquidadas instantaneamente por padrão sem taxa adicional, independente de se a carteira ou serviço explicitamente suporta a funcionalidade de InstantSend. Isso faz diferença nos apps populares de ponto de venda Spark e Anypay, ambos os quais mostram um cadeado em uma cobrança de Dash que recebeu uma transação InstantSend. Além disso, serviços como Bitrefill reconhecem transações InstantSend e entregam os vouchers instantaneamente, enquanto clientes pagando em outras moedas terão que esperar por confirmações. Finalmente, clientes de casas de câmbio que reconhecem transações InstantSend agora podem sacar ou depositar seus fundos instantaneamente, ou movê-los entre as plataformas, facilitando muito a manutenção de fundos sob o controle do usuário, assim como abrindo várias oportunidades de arbitragem, dando a Dash uma vantagem exclusiva para alguns casos de uso para trading.

A versão 0.14 está em testnet com outras melhorias para o InstantSend, e ChainLocks para proteção contra ataques 51%

Além das melhorias já instituídas graças a finalização da atualização 0.13, a versão recém-lançada 0.14, que está agora em testnet, promete incluir várias importantes melhorias baseadas nos quóruns longevos de masternodes (LLMQ). A primeira dessas é o ChainLocks, um processo para aproveitar a rede de masternodes para melhorar a segurança da mineração proof-of-work, prevenindo ataques 51% e outros ataques similares de mineração. Finalmente, o InstantSend baseado em LLMQs, uma melhoria do processo de InstantSend que promete reduzir significativamente o gasto de recursos, está planejado para a versão 0.14 também. Isto vai melhorar significativamente a experiência de usuário das transações InstantSend, reduzindo os atrasos de tempo entre cada transação permanente liquidada, como explicado por Robuck em outro post:

“Em combinação com o ChainLocks, o InstantSend baseado em LLMQs será capaz de superar a maior parte das limitações encontradas na antiga implementação do InstantSend. No sistema antigo, 6+ confirmações on-chain eram um requisito forte para os fundos serem enviados instantaneamente. Essa limitação agora está superada se os fundo já estiverem confirmados pelo ChainLocks ou recebidos pelo InstantSend baseado em LLMQs, o que significa que na maior parte dos casos os fundos recebidos podem ser gastos imediatamente via InstantSend.”

A próxima grande atualização agendada para a Dash é a versão 1.0, considerada a estreia do tão esperado lançamento da Evolution, que incluirá usuários blockchain e listas de contato, dando uma experiência simples e amigável sem precedentes numa criptomoeda descentralizada.