This post is also available in: Français Deutsch Русский English

O Governo da Coreia do Sul pretende impor mais regulamentações para casas de câmbio de criptomoedas, incluindo exigências de identidade.

Na época do hack da Youbit, no início de Dezembro, oficial do governo fizeram inspeções em todas as grandes casas de câmbio de criptomoedas na Coreia do Sul. Os reguladores concluíram que as medidas de segurança eram inadequadas, e anunciaram na Quinta que medidas adicionais serão postas, incluindo o fim de contas anônimas de câmbio de criptomoedas.

Casas de câmbio mais privadas ainda têm pouco volume

Enquanto as regulamentações nas casas de câmbio tornam o anonimato progressivamente mais difícil, várias alternativas existem para traders que desejam manter sua privacidade. No entanto, a atividade nessas plataformas é relativamente baixa. Levando em conta somente o Bitcoin — devido a falta de dados disponíveis para o resto do mercado — o LocalBitcoins movimentou cerca de 134 milhões de USD em transações p2p na semana passada. O Paxful, que permite algumas opções privadas para compra tais como Western Union e cartões presente da Amazon, movimenteou cerca de 9.88 milhões de USD. Finalmente, o cliente para trocas p2p de criptomoedas Bisq, a opção mais descentralizada disponível, movimentou somente 587 000 USD. Tudo isso junto totaliza cerca de 144.4 milhões de USD por semana.

Enquanto isso, nas casas de câmbio centralizadas, o Bitcoin movimentou 12 bilhões de USD em volume 24 horas, comparado com os 20.6 milhões de USD das casas de câmbio descentralizadas. Isto quer dizer que os métodos descentralizados e privados de adquirir Bitcoin encerram somente 0.17% do volume total.

A economia de compras privadas da Dash ainda é pequena, mas existem múltiplas opções

A economia de câmbio p2p ainda não se desenvolveu bem, e isso é ainda mais verdadeiro quando se consideram moedas mais novas. Enquanto na maior parte a Dash ainda é trocada em casas de câmbio centralizadas, uma grande variedade de opções p2p, descentralizadas e privadas permanecem. Dashous, DashNearby e LiberalCoins, enquanto baixos em volume no momento, oferecem opções para comprar e vender Dash p2p. A Wall of Coins, provavelmente a opção mais usada, permite uma experiência mais simplificada para compra e venda p2p através de um sistema simples de garantia de transação (escrow). Por último, o cliente de trading Bisq também suporta a Dash como uma moeda-base.